15 dezembro 2012

Piiiip, Mamã, Pipppppp!!!


Começou com o KikoNico piqueno branco. Eu gostava do boneco e do conceito da coisa.  Desde o primeiro dia e companheiro de entrada no infantário, onde agora dormem a sesta juntos. Depois vieram os primos, um por cada mês feito: o Pako, a Moo, a Mapi, o Leo, a Missi e outros tantos. Curiosamente, o Pippo (diz que representa a fidelidade) é a sua paixão  É o Pip. Dormem juntos, com abraços, beijinhos à esquimó, óoo-óooo, mas de manhã, vai borda fora, que é para aprender como se começa o dia. Os dias começam invariavelmente com um Mamãaaaaaaa, Mamãaaaaa, Pip, Piiiip, em desespero ao ver que o seu amiguinho está do outro lado das grades da cama. Indiferente ao facto de ter sido  ela a expulsar o pobre do quente da cama, fica em verdadeiros cuidados pelo bicho. 

2 comentários:

Cleo disse...

Cá em casa temos o Kiconico cor-de-rosa, oferecido por uma amiga, que baptizei de Kicanica (pareceu-me apropriado). Desde que sabe agarrar em coisas, que dorme agarradinha ao boneco e não pernoita fora de casa sem ele! Recentemente a Missi veio fazer companhia à Kicanica, mas não há amor como o primeiro :P

Pitú disse...

Foi um dos primeiros brinquedos que comprei (o chocolate) e umas das primeiras prendas que o Gui recebeu (o gigante azul) ainda com poucas horas! Também adoro o conceito e por isso tenho comprado imensas coisas da colecção. É realmente uma ternura :)