02 março 2014

A cor do verniz apoquenta-me.

Estava aqui a olhar para as minhas mãos. Ou melhor, para as minhas unhas. De vez em quando, consigo focar-me e concentrar-me durante vários minutos em coisas absolutamente e estupidamente duh. Como o dia em que me sentei na cozinha a ver a máquina de roupa lavar e lá me fiquei colada a observar a coisa durante o programa de lavagem. Mas voltando às minhas unhas: tenho-as pintadas de vermelho há já algum tempo. Ou de cores escuras. Eu gosto de vernizes escuros. Não porque está in mas porque eu, a minha pessoa, gosta. Mas a modos que já estou um pouco saturada. Estou a ponderar da próxima vez que for à terapia, que é como quem diz, à manicure (isto tem de haver maluquinhos para tudo), pintar de branco. Ou de uma cor qualquer pastel. Sei lá. Em boa verdade, como diz alguém que eu conheço, isto são os chamados first world problems. 

3 comentários:

S* disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Magui disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Magda E. disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.